A tecnologia de inteligência artificial, o QLED 8K e a melhoria da qualidade do som são os três elementos chave na estratégia e alinhamento dos novos televisores que a Samsung acaba de anunciar para 2020, num evento que está a decorrer em Malta.

"A nossa visão é que os ecrãs vão estar em todo o lado, nunca vamos perder um momento, são mais inteligentes, imersivos e interativos [...] a casa também está a mudar e temos de acompanhar a mudança", afirma Nathan Sheffield, responsável pela área de TV na Europa.

A Samsung continua a apostar nos televisores QLED e já vendeu mais de 5,4 milhões de televisores com esta tecnologia a nível global, mas quer mais.

Os utilizadores querem ecrãs cada vez maiores, e é por isso que a qualidade da imagem é cada vez mais importante. "A categoria de 65 polegadas cresceu mais de 328% e é por isso que o 8K importa", sublinha.

Para que o ecossistema de 8K continue a crescer a Samsung está envolvida no desenvolvimento das normas.

A nova Samsung Q950 materializa a inovação que a Samsung tem vindo a desenvolver nesta área, com qualidade de ecrã QLED 8K, inovação a nível do som e um ecrã onde a imagem se estende a 99% do painel, com uma moldura quase inexistente. O televisor vai estar disponível em dimensões de 65,75 e 85 polegadas e a espessura do painel é de apenas 15 mm.

A utilização de tecnologia de inteligência artificial permite ter sempre a melhor imagem, independentemente da iluminação do espaço, com a análise do conteúdo do ecrã e da luz da sala para conseguir o melhor resultado. "Mas a imagem é apenas metade da história. O som é essencial", sublinha Nathan Sheffield.

(em actualização)

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.