Pedro Lopes falava à imprensa, à margem da inauguração da Rede Móvel e da Sala Multimédia da Escola Vasco Firmino, ato co-presidido pelo secretário de Estado, presidente da câmara municipal de São Miguel e pelo Administrador da CVTelecom, João Domingos de Barros Correia, na localidade de Pilão Cão, interior de Santiago.

Um projecto que resultou de uma parceria tripartida, entre o governo de Cabo Verde, a câmara municipal e a empresa CVTelecom.

Segundo Pedro Lopes, o governo quer que os jovens tenham oportunidade para utilizar computadores e aprender novos conhecimentos, referindo que que, com acesso à rede móvel, em breve vão trazer 4G para que as pessoas naveguem com “mais velocidade”, criando, igualmente “jovens reparados para o futuro”.

Por seu turno, o presidente da Câmara Municipal, Herménio Fernandes, frisou que a sua equipa está preocupada com a inclusão digital, motivo pelo qual estão a trabalhar com vários parceiros como CV Telecom e NOSi, para que as pessoas do município tenham “acesso à conectividade”.

“Nós estamos na era da informação e o nosso papel é construir estradas digitais para permitir melhor inclusão digital e dar aos jovens ferramentas da desenvolverem negócios, tirando o máximo proveito de todas as vantagens que a conectividade oferece”, sublinhou.

Para o autarca, o centro multimédia é um “grande passo” na promoção do desenvolvimento sustentável e na inclusão digital desta localidade.

Lembrou que a rede móvel é uma antiga reivindicação dos residentes de Pilão Cão, admitindo que é papel da autarquia criar condições para sua instalação no município.

Por sua vez, a representante da escola Vasco Firmino, Inês Landim, disse que estão com melhores acesso à rede móvel e que ‟ traz melhores condições ao ensino e ajuda no lançamento de nota no sistema”, recordando que entes se deslocavam ao centro da idade, devido a dificuldades de rede móvel.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.