Adilson Rodrigues fez esta intervenção à Inforpress, no âmbito do Dia Mundial das Redes Sociais, que se assinala esta terça-feira, 30 de Junho.

Segundo apontou, as redes sociais fazem parte da vida de todos, por isso é preciso ter atenção às informações que são publicadas ou partilhadas nas redes sociais.

Explicou que as redes sociais utilizam as informações das pessoas para criação de contas e muitas vezes são essas mesmas informações utilizadas por ‘hackers’ para piratear ou cometer crimes cibernéticos.

Avançou também que muitas vezes os utilizadores partilham fotos e fazem comentários, que sem querer, acabam por passar informações sobre onde estão, como estão a viver ou o que fazem.

“Temos que ter cuidado, porque a partir do momento em que publicamos algo, torna-se público e acessível a todos”, referiu.

Por outro lado, o responsável do Núcleo Operacional da Sociedade de Informação destacou que as mídias sociais têm tido grande impacto na mobilização de pessoas em todo mundo, para participarem em manifestações, actividades religiosas entre outras.

Adilson Rodrigues ressaltou que uma das vantagens das redes sociais é a capacidade de permitir novas interações, retomar contactos antigos e de superar distâncias.

A plataforma digital Datareportal dá conta que, em Cabo Verde, mais de 270 mil pessoas usam redes sociais, dados que apontam para 49 por cento (%) da população.

Na data que se assinala o Dia Mundial das Redes Sociais e de acordo com os dados da Datareportal, que são fornecidos anualmente sobre a utilização das novas tecnologias, 99% dos utilizadores de redes sociais procuram o acesso através dos telemóveis.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.