A Apple revelou que os smartphones iPhone 8, fabricados e vendidos entre setembro de 2017 e março de 2018, poderão ter problemas. Em causa está um defeito na motherboard que poderá afetar um “pequeno número de dispositivos”, adianta a marca da maçã.

Problemas no arranque do sistema, o smartphone não ligar ou eventuais congelamentos do ecrã são alguns dos sintomas associados. Se for o caso, a Apple irá proceder à sua reparação sem custos para os clientes. Para tal, basta aceder ao website com o programa de substituição da motherboard e verificar através do número de série se o equipamento está na lista.

Segundo a informação da Apple, Portugal não consta na lista dos países afetados com o problema, mas muitos utilizadores adquirem os equipamentos através de lojas online. Os mercados visados com eventuais problemas são a Austrália, Índia, China, Hong Kong, Japão, Macau, Nova Zelândia e Estados Unidos.

A fabricante esclarece que o programa de reparação não abrange o iPhone 8 Plus e outros modelos iPhone. Além disso, em caso de reparação, a garantia não será prolongada.