No dia 10 de julho de 2008, o SAPO TEK dava a notícia de que a App Store arrancava com 500 aplicações para o iPhone e iPod Touch, sendo 25% da oferta gratuito. Entre as primeiras apps podia-se encontrar as redes sociais Facebook e Twitter, assim como os canais informativos Bloomberg e Reuters.

Passaram-se 10 anos e a gigante de Cupertino continuou a alimentar o “monstro” que se transformou numa das principais lojas de aplicações e jogos para dispositivos móveis. Atualmente a montra conta com qualquer coisa como dois milhões de apps, 20 milhões de produtores de conteúdos registados e receitas na casa dos 100 mil milhões de dólares.

Recorde na galeria algumas das apps mais populares de 2008

Durante o seu percurso, a Google meteu-se no caminho e lançou o Google Play, com os dispositivos Android a representarem mais de 85% das vendas globais de smartphones, o que significa um maior número de aplicações descarregadas. Mas no mais importante, “encher os cofres” das empresas, a loja da Apple amealha mais dinheiro. Com apenas 14% da quota do mercado, os respetivos utilizadores gastam mais dinheiro em aplicações.

Para ter uma ideia, só na semana de natal de 2017, os utilizadores gastaram cerca de 740 milhões de euros em aplicações, registando um recorde para o período. O jogo Pokémon GO foi o mais descarregado.

Para comemorar o aniversário do décimo aniversário da App Store, o SAPO TEK convida-o a brindar com rigor, utilizando cerveja virtual do iBeer, curiosamente uma das 10 aplicações mais populares de 2008…

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.