Em declaração à imprensa, Manuel de Pina assegurou que com a terceira renovação do estado de emergência deram início à segunda fase da campanha que contou também com o apoio e engajamento de emigrantes.

“Neste momento as famílias que receberam apoio por parte dos emigrantes estão a receber ainda mais ajudas da câmara e pretendemos chegar a 85% dos beneficiados que atingimos na primeira fase, indicou.

Manuel de Pina, que falava à imprensa, durante a visita que efectuou hoje, as obras de requalificação no concelho, avançou que nessa segunda fase foram contemplados também familiares e filhos de Ribeira Grande de Santiago residentes na Boa Vista e Cidade de Praia que viram os seus rendimentos diminuídos ou ficaram sem emprego devido à pandemia da covid-19.

O presidente garantiu que a autarquia tem estado sempre disponível para prestar assistência necessária quando algumas famílias estiverem em dificuldades.

Na ocasião adiantou que a câmara vai ter de fazer um plano de rectificação orçamental ciente de que para o relançamento da economia vai ser necessário apoiar fortemente as famílias e subsidiar as empresas locais.

Cabo Verde passa a registar a partir de hoje um total de 356 casos confirmados acumulados de covid-19, distribuídos pelas ilhas de Santiago (297, sendo 289 na Praia, dois no Tarrafal, quatro em São Domingos e dois em Santa Cruz), da Boa Vista (56) e de São Vicente (três).

Destes casos testados positivos, há a registar 85 recuperados e três mortes – um cidadão inglês, na ilha da Boa Vista, e dois cabo-verdianos, na Cidade da Praia.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 325 mil mortos e infectou quase cinco milhões de pessoas em 196 países e territórios.

Mais de 1,8 milhões de doentes foram considerados curados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.