Parece tirada a papel químico de um um filme de aventura, mas esta história é bem real. Uma empresa que se dedica a encontrar tesouros perdidos resgatou centenas de moedas de ouro, avaliadas em 4,5 milhões de dólares, de um navio espanhol do século XVIII que naufragou na Flórida, no Sudeste dos Estados Unidos.

"Pelo menos 350 moedas de ouro foram recuperadas entre 30 e 31 de Julho. Esta descoberta aconteceu precisamente no 300º aniversário" do naufrágio da frota espanhola, em Julho de 1715, informou a empresa que se dedica à caça de tesouros, a 1715 Fleet - Queens Jewels LLC, na sua página no Facebook.

Trata-se da segunda grande descoberta que este grupo fez neste Verão, na costa da Flórida, após a descoberta de meia centena de moedas de ouro e jóias, no valor de um milhão de dólares.

Entre o lote recentemente encontrado encontram-se nove "Reales", uma moeda rara cunhada por ordem do rei Felipe V da Espanha, sendo que cada uma está avaliada em cerca de 300 mil dólares, destaca Brent Brisben, presidente da 1715 Fleet - Queens Jewels LLC. "Estes Reales são exemplos perfeitos da cunhagem que era feita à época, tendo sido produzidos por ordem do rei de Espanha", assinalou Brisben.

A frota espanhola, constituída por onze navios, naufragou quando fazia a viagem de Cuba para Espanha, ao ser surpreendida por um violento furacão. Três séculos depois, o tesouro foi recuperado por Brisben e três outros caçadores de tesouros nas águas pouco profundas de Vero Beach, na costa Atlântica. "Trabalhámos muito próximo da costa, o que é surpreendente para muitas pessoas".

Após o naufrágio, o reino de Espanha ainda conseguiu recuperar grande parte da fortuna desaparecida, mas no fundo do mar ainda permanecem milhares de moedas, com um valor estimado de 550 milhões de dólares, refere a Queens Jewel.

SAPO com AFP

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.