Segundo o Orçamento do Estado, desse montante, 2.888 milhões de escudos serão para a Electra, que inclui o projeto de “Aumento da capacidade da Central do Sal” orçado em 717 milhões de escudos.

Já para a Enapor serão canalizados 603 milhões, 496 milhões de escudos a título de retrocessão vão para as obras do Porto da Palmeira e ainda 1.136 milhões de escudos para a ASA.

A ilha do Sal vai receber também investimentos na área de saneamento, principalmente o projeto de Saneamento de Espargos que ronda os 364 milhões de escudos, na saúde com investimentos de cerca de 85 milhões de escudos para a construção do Centro de Saúde de Santa Maria e consolidação do Hospital Regional do Sal.

Na área do desporto foram destacados 65 milhões de escudos para a realização dos Jogos Africanos de Praia e atividades náuticas na ilha, que vai receber também 130 milhões de escudos para o Programa de Requalificação, Reabilitação e Acessibilidades (PRRA).

Para além disso, no ano de 2019, serão transferidos para a ilha do Sal o montante de 367 milhões de escudos no quadro dos Fundos de Financiamento Municipal, do Ambiente, do Turismo e de Manutenção Rodoviária.

CD/ZS