O líder desta associação, Ivanildo Dias, informou que, nesta altura, apenas 15 chefes de famílias em Chã de Norte estão a trabalhar na limpeza da estrada de acesso à localidade, havendo, contudo, a necessidade de a Câmara Municipal do Porto Novo duplicar esse número, para socorrer outras famílias em dificuldades.

A actividade agrícola em Chã de Norte está, há um ano, paralisada, devido ao problema de água decorrente de uma avaria no sistema de bombagem do furo nessa zona, onde, praticamente, todas as famílias vinham praticando a agricultura.

A situação, segundo este responsável, é preocupante, razão pela qual a autarquia deveria, a seu ver, reforçar o emprego público em Chã de Norte, para acudir as famílias que estão em dificuldades, até à normalização do fornecimento de água para rega.

Entretanto, a delegado do Ministério da Agricultura e Ambiente no Porto Novo, Joel Barros, informou que os trabalhos de remodelação do sistema de bombagem do furo em Chã de Norte estão na “recta final”, pelo que se perspectiva para breve a retoma da actividade agrícola nesse vale.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.