O vereador do pelouro de abastecimento de água, Irlando Ramos, confirmou que a edilidade porto-novense vai, a partir de agora, assegurar, diariamente, 30 toneladas de água aos agricultores em Ribeira dos Bodes, que, devido a um problema no sistema de bombagem do furo em Chã de Casa, estavam em risco de perder todas as suas culturas.

Essa iniciativa insere-se no âmbito de uma parceria estabelecida entre a Câmara Municipal do Porto Novo, o Ministério da Agricultora e Ambiente (MAA) e os agricultores, que visa “salvar as plantas em fim de ciclo” no perímetro agrícola de Chã de Casa, no vale da Ribeira dos Bodes.

Segundo o MAA, o furo em causa, inaugurado em 2015, já está em falência (redução drástica do caudal), situação que ficou ainda mais complicada para os quase 30 agricultores, depois do motor do sistema de bombagem desse mesmo furo ter-se queimado.

Segundo o delegado do MAA no Porto Novo, Joel Barros, esta parceria montada com a edilidade porto-novense vai permitir salvar as culturas em fim de ciclo em Chã de Casa, através de água auto-transportada.

Entretanto, já foi accionado o processo para a aquisição de um motor novo para a bomba do furo em Chã de Casa, segundo Joel Barros, que lembrou que, “desde o primeiro momento”, foram accionados os serviços centrais do MAA para a aquisição desse equipamento.

Os lavradores estavam, há três semanas, sem água para rega e já contabilizaram prejuízos, segundo a associação local dos agricultores.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.