Com efeito, a convocatória da AFSV incluía dois pontos na agenda, o primeiro dos quais sobre a apreciação e votação de uma proposta de alteração dos estatutos da organização, e o segundo para apreciar e votar o pedido de filiação na ARSV, para competições de formação, de quatro clubes na qualidade de sócios agregados.

Contudo, conforme explicou à Inforpress o presidente da AFSV, César Lima, a assembleia convocada para o início da noite de segunda-feira, 11, não se realizou já que os 16 clubes filiados alegaram incumprimento dos estatutos, sobretudo no quesito de a convocatória ter sido enviada fora dos prazos estipulados.

“Aceitamos porque os cinco dias estipulados não foram cumpridos, é um facto, e, por outro lado, no que diz respeito à alteração dos estatutos faltou a publicação da convocatória no Boletim Oficial”, informou César Lima.

Mesmo assim, o presidente da direcção da AFSV avançou à Inforpress que a associação decidiu que vai aceitar os quatro clubes como sócios ordinários de carácter provisório, no âmbito dos estatutos, podendo estes participar “apenas nas competições dos escalões de formação” até os sub-20.

“Ainda este mês vamos enviar nova convocatória para uma assembleia extraordinária para se proceder à revisão dos estatutos e para ratificar a entrada dos quatro clubes na qualidade de de sócios agregados da AFSV”, reforçou César Lima.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.