As obras vão arrancar de imediato e, no final, a infra-estrutura contará com dimensões oficiais para receber competições regionais de jogos de salão e será electrificada para permitir a sua utilização à noite, sobretudo para servir as pessoas que trabalham de dia e não podem praticar desporto noutras horas do dia.

O novo polivalente de Manta Velha contará, no final da construção, com novos sanitários e quatro salas multiusos que resultarão da ampliação da placa desportiva, no sentido serra/mar.

O presidente da Câmara Municipal da Ribeira Grande, Orlando Delgado, apresentou a aposta na massificação do desporto como objectivo da edilidade como forma de permitir que todos os jovens, de todas as localidades do concelho, possam ter um espaço condigno para a prática desportiva em pé de igualdade com os jovens dos principais centros urbanos.

A cerimónia de lançamento da primeira pedra para a reabilitação e ampliação do polivalente de Manta Velha é mais uma das actividades previstas no programa comemorativo do dia do Município da Ribeira Grande que se comemora a 17 de Janeiro.

Hoje à tarde, o programa prossegue com a apresentação da obra “educação, multiculturalismo e diversidade – um olhar sobre Cabo Verde: formação de professores para contextos de aprendizagens multiculturais e diversos”, da autora Maria Santos Trigueiros.

Logo depois terá lugar a abertura da exposição de pinturas do artista plástico David Levy Lima, na sala de exposições do Centro Cultural Sete Sóis Sete Luas.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.