Em nota de pesar enviada à Inforpress, o executivo lembra que Mosca, como era também conhecido, foi um dos atletas que dominou as disciplinas da maratona e meia-maratona em São Vicente e a nível nacional durante os anos 90, fazendo “uma grande rivalidade” com o também falecido Elias Fernandes, da Ilha de Santiago.

“Com uma vida dedicada ao atletismo, Mosca venceu vários troféus, incluindo a corrida de São Silvestre de São Vicente, em mais do que uma ocasião, e representou as cores nacionais em diversas competições com destaque para a Maratona de Boston (EUA) em 1990”, lê-se no documento.

O Governo lembra ainda que Mosca também se destacou enquanto dinamizador do atletismo, tendo sido um dos fundadores da Associação Regional de Atletismo de São Vicente, a qual esteve na origem da organização das associações regionais em federação.

“Pela sua dedicação e exemplo enquanto atleta e dinamizador do desporto em Cabo Verde, o Governo e endereça as sinceras condolências aos familiares e amigos do falecido e a toda a família do atletismo cabo-verdiano, que perde um grande atleta e um dos seus mais dignos representantes”, conclui a nota do Governo.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.