Luís Filipe Vieira falava durante uma “recepção apoteótica” a que foi alvo nos Paços do Concelho, ocasião aproveitada para agradecer a Câmara Municipal da Praia pela cedência do espaço para a instalação da Casa do Benfica.

Para o líder benfiquista, a Casa do Benfica, a ser inaugurada sábado no Largo Eusébio, em Achada de Santo António, faz com que os laços de proximidade entre a Cidade da Praia e Cabo Verde e o clube da Luz sejam “muito mais fortes”, pelo que enalteceu o envolvimento do autarca praiense para a sua utilização.

Na qualidade de anfitrião, o edil Óscar Santos disse que a autarquia pretende aproximar-se do Benfica para dar “uma outra visibilidade internacional à cidade da Praia”, afirmando que “quanto mais próxima a Cidade da Praia estiver à uma grande equipa, uma grande nação dos benfiquistas, mais internacional ficará e mais benefícios terá”.

Disse que o projecto Casa Benfica, iniciado no mandato do actual primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, foi concluído na sua gestão, pelo que disse esperar que “tenha muitos e muitos sucessos para o bem da Cidade da Praia e dos benfiquistas”.

A recepção da delegação do Sport Lisboa e Benfica na Câmara Municipal da Praia foi marcada por um clima de muita euforia e animação dos adeptos do clube encarnado de Portugal.

Muitas pessoas, sobretudo benfiquistas, acorreram ao local para sessões improvisadas de autógrafos e fotografia, junto de figuras como ex-capitão Luisão e o presidente Luís Filipe Vieira, e, sobretudo, com a Taça Reconquista, o 37º campeonato de Portugal pelos encarnados.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.