Para o treinador do Barreirense, Flávio Monteiro, a sua equipa esteve “muito bem” durante a partida, embora não tenham concretizado as oportunidades em golos, de todo modo assegurou que este jogo serviu de motivação para melhorarem e corrigirem nas partes menos conseguidas.

O objectivo do Barreirense, segundo disse “é vencer todas as provas este ano”.

Por seu lado, o treinador do Figueirense, Alírio Martins, considerou o empate um “resultado justo”, pela forma como as equipas encarraram a partida, salientou no entanto que a ambição da sua equipa é terminar o campeonato com “alegria”, conquistando os três pontos a cada jornada.

O primeiro jogo da tarde deste domingo, que iniciou as 14:00, colocou frente-a-frente as equipas da Académica do Maio e Beira-Mar, e terminou num empate a três bolas.

Os tentos do Beira-Mar foram apontados por Já e Djodja que bisou na partida, enquanto os da turma negra da vila da Calheta foram marcados por Klinton, Goida e Doza, nos descontes.

Manu, treinador do Beira-Mar, prometeu uma equipa não só a lutar pela permanência, visto que subiram de divisão na época passada, mas também demonstrar um “futebol alegre”.

Ady, técnico da Académica do Maio frisou que, o empate foi um “bom resultado”, tendo em conta que estiveram a perder por 3 bolas, e conseguiram dar a volta ao resultado.

Prometeu apresentar uma “Académica forte”, porque conforme disse, os seus jogadores têm qualidade para tal, embora admitiu que nesta primeira jornada cometeram alguns erros.

Devido a ausência nesta época desportiva da equipa de Real Marítimo, a turma do Onze Unidos ficou ausente nesta primeira jornada do campeonato.

No jogo a contar para a segunda divisão, a equipa de Santana, goleou o Cruzeiro por 6 -2.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.