A delegação do Ministério do Desenvolvimento Rural, Ambiente e Pescas na ilha Brava vai melhorar o fornecimento de energia na fábrica de gelo da localidade da Furna, com a instalação de um sistema fotovoltaico, informou hoje o responsável da instituição.

Em declarações à Inforpress, José Lenine Carvalho disse que a entrega das propostas para o fornecimento de um sistema fotovoltaico de 8 kilowatt-peak (kWp), que funcionará ligado à rede eléctrica pública em regime microgeração, termina no próximo dia 25 de Fevereiro.

De acordo com José Lenine Carvalho, a aquisição deste sistema fotovoltaico visa reduzir o custo de energia eléctrica pago pelo estabelecimento, contribuindo desta forma para a sustentabilidade da fábrica de gelo e consequentemente, para o desenvolvimento socioeconómico da localidade.

A instalação da fábrica de gelo de Furna, gerida pela associação de pescadores e peixeiras da localidade, tem como propósito fundamental a produção e distribuição de gelo para conserva do pescado capturado antes do seu transporte ao mercado.

O sistema fotovoltaico que vai ser adquirido no âmbito do “Programa de Promoção de Sistemas de Energias Renováveis de Pequena e Média Dimensão em Cabo Verde” é cofinanciado pelo Fundo Mundial para o Ambiente (GEF) e implementado pela Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO) e o Centro para as Energias Renováveis e a Eficiência Energética da CEDEAO (ECREEE).

Inforpress

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.