No evento, Maritza Rosabal fará a apresentação e defesa do IX Relatório Periódico sobre a situação da implementação da Convenção para a Eliminação de Todas as Formas de Discriminação contra a Mulher, referente ao período 2013-2017.

Segundo nota do Governo, o programa do executivo para a IX Legislatura “assumiu como um dos desafios” a resolução dos problemas enfrentados pelas mulheres cabo-verdianas para “o pleno gozo dos seus direitos”, razão pela qual trabalhar pela igualdade de género era considerado “um mandato nacional”.

Desta forma, prossegue a nota, o Plano Estratégico para o Desenvolvimento Sustentável (PEDS-2017-2021) adoptou a igualdade de género como “um eixo transversal”.

Isto porque, segundo o Governo, o plano pressupõe a igualdade do género como pré-condição para alcançar o desenvolvimento inclusivo e sustentável e definiu como acções as intervenções específicas de género e a integração de género nas políticas e programas públicos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.