A inauguração do troço de estada Cova Tina/Portela/Bangaeira, com uma extensão de pouco mais de 11 quilómetros (11.260 metros) acontece no sábado, 13 de Julho, coincidindo com o lançamento das obras da construção das redes técnicas e viárias de Chã das Caldeiras, que se enquadra no plano detalhado da localidade.

O troço de estrada foi executado num prazo de 13 meses e representa um investimento do Governo de Cabo Verde no valor de 110 mil contos, sendo que a sua construção além de desencravar o acesso à localidade turística de Chã das Caldeiras, vai garantir a acessibilidade em menos tempo e com melhores condições de tráfego e escoamento dos produtos agropecuários.

As redes técnica e viária comportam a rede de abastecimento de água, de saneamento, de águas pluviais e canalizações eléctricas e representa um investimento superior a 90 mil contos.

Nesta deslocação, Ulisses Correia e Silva vai presidir ao descerramento da placa que marca o início da obra de execução do projecto de optimização da rede de abastecimento de água – circuito de adução e distribuição de água para agricultura e pecuária na zona sul da ilha.

Trata-se de um projecto executado pelo Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) através do Programa de Promoção de Oportunidades Socioeconómica Rural (POSER), orçado em cerca de 40 mil contos e que beneficia mais de três centenas de pessoas de forma directa, sendo 120 agricultores e 148 criadores de gado.

Ainda no domínio da agricultura, será assinado um protocolo que celebra o acordo de delegação de competência no sector agrícola às câmaras municipais de Santa Catarina e dos Mosteiros, como forma de reforçar a descentralização dos serviços públicos e a complementaridade entre o poder local e central em prol do desenvolvimento económico e social do país.

Durante a visita à região, Ulisses Correia e Silva e a delegação que o acompanha, preside à conferência sobre “Desenvolvimento regional e local” que constitui uma oportunidade para dar a conhecer as principais reformas, medidas e investimento públicos e privados realizados e em curso, com impacto na dinamização da económica das ilhas e na vida das pessoas.

O primeiro-ministro participa ainda na cerimónia comemorativa dos 97 anos da elevação de São Filipe à categoria de cidade, na homenagem ao padre Octávio Fasano e as associações ASDE e AMES e no lançamento da primeira pedra da construção da casa dos pescadores no porto de Vale dos Cavaleiros, financiado pela ASDE e pela Câmara Municipal de São Filipe.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.