A GNR de Portugal desmantelou uma rede de tráfico de droga formada por cabo-verdianos. Nas operações levadas a cabo esta quinta-feira em várias localidades do Algarve, a polícia portuguesa encontrou cerca de um quilo de heroína, alguma cocaína e uma grande quantidade de dinheiro. Nove pessoas foram presas.

Segundo a televisão SIC, na primeira apreensão a droga foi encontrada por cães pisteiros da polícia, na horta do senhorio que alugou a sua casa a três cabo-verdianos há três meses. Com o pretexto de manter a horta sempre limpa, os traficantes esconderam a droga debaixo de terra. Na casa foram encontrados material de corte, alguma cocaína e uma avultada quantia em dinheiro.

Outros quatro traficantes foram apanhados também na mesma localidade. Segundo a fonte da GNR foram presos três homens e uma mulher que tinham em casa cerca de um quilo de heroína em estado puro e cocaína.

A heroína apreendida dava para fazer 10.528 doses individuais e a cocaína chegava para 127 doses. A Lusa adianta que a GNR apreendeu também 188,9 gramas de produto de corte, químico utilizado para fazer baixar o grau de pureza original da droga.

Ainda de acordo com a polícia portuguesa, os sete são suspeitos de fazerem parte de uma rede de tráfico de droga que operava no Algarve, nas zonas mais movimentadas de Albufeira, Loulé, Lagoa e Portimão.

A GNR acredita ter desmantelado outro grupo composto por cabo-verdianos, que viviam em Loulé mas com ligações a Tavira, ambas cidades do Sul de Portugal.

@SAPO com SIC e Lusa

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.