À Inforpress, a vereadora Domingas Coelho contou que nesta manhã de segunda-feira depararam-se com alguns contentores que foram queimados, houve casos em que alguns derreteram-se tudo, na localidade de Pé di Rotcha e Achada Losna.

De acordo com a mesma fonte, não é a primeira vez isto é registado. Explicou que, além de contentores, a autarquia tem detectado casos de vandalismos nas sinaléticas turísticas que foram colocadas em toda a ilha, onde algumas foram retiradas e não se viram o rumo das mesmas.

Os sinais de trânsitos têm sido também alvos de casos de vandalismos, de acordo com a fonte da edilidade.

Segundo a autarca, cada contentor possuía a capacidade de 800 litros, com um custo de 38.101$00. Sublinhou que a quantia que vai ser gasta para a reposição dos mesmos poderia ser investida em outros projectos.

A responsável lembrou que a questão do ambiente e saneamento é uma responsabilidade de todos, daí apelou aos munícipes a denunciarem casos de vandalismo e de roubos às autoridades policiais ou da autarquia.

E neste quesito, Domingas Coelho afirmou que a câmara vai ser “inflexível” e que vai fazer cumprir o Código de Postura Municipal, avisando que caso as pessoas forem identificadas como responsáveis por danos de bens públicos ser-lhes-ão aplicadas coimas, sem prejuízos de os casos serem levados às instâncias judiciais para que as mesmas sejam responsabilizadas pelos seus actos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.