Página gerada às 01:52h, sexta-feira 28 de Julho

 

PR: “Falta-nos transitar de um país que é de rendimento médio para um país desenvolvido”

05 de Julho de 2015

O Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, depositou na manhã deste domingo, 5, uma coroa de flores no memorial Amílcar Cabral, na Várzea, no âmbito das comemorações dos 40 Anos da Independência de Cabo Verde.

O acto foi acompanhado por membros do governo, corpo diplomático e antigos combatentes da liberdade da pátria.

 “Tivemos muitas vitórias na saúde, educação, economia, cultura e no desenvolvimento político, mas falta-nos dar um passo que é transitar de um país que é chamado de rendimento médio para um país desenvolvido”, afirmou Jorge Carlos Fonseca em declaração aos jornalistas.

Segundo o PR, para que cabo verde seja um país desenvolvido tem que “crescer politicamente e aprofundar a cultura da democracia, aprimorando o sistema político”.

“Temos que crescer economicamente de forma mais justa para atenuar o desemprego dos jovens, reduzir os níveis de insegurança e qualificar ainda mais o sistema da educação e da justiça. Temos que ter também dois objectivos fundamentais para a coesão social e nacional: reduzir as desigualdades sociais e as desigualdades regionais”, afirmou o Presidente da República.

No ponto de vista do antigo presidente da república, o comandante Pedro Pires, Cabo Verde cresceu. “Há grandes ganhos e avanços, mas também grandes desafios. E a geração que nasceu depois da independência tem a grande missão de dar um passo mais em frente, de consolidar e alargar isso. Espero que essa nova geração cumpra esse papel”.

“Para nós que estivemos no início desse processo todo, penso que é um sentimento de grande reconhecimento de construção de um país livre e independente, mas temos que continuar, para que possamos, realmente, ir descansados”, salientou a combatente da liberdade da pátria, Zezinha Chantre.

Ainda no âmbito das comemorações dos 40 anos da Independência de Cabo Verde, a Assembleia Nacional foi palco de uma sessão solene que contou com a presença de vários membros do governo e do Primeiro-ministro de Portugal, Pedro Passos Coelho e sua esposa Laura Ferreira.

Na tarde de domingo acontece também o desfile “Cabo Verde” que incluí uma parada e um desfile militar na Avenida Cidade Lisboa.

Aline Oliveira | SAPO CV



Comentários

Critério de publicação de comentários